O PISA e as Escolas

O Programa Internacional de Avaliação dos Alunos (PISA – http://www.oecd.org/pisa/ )  tem como objetivo essencial avaliar a forma como os alunos de 15 anos aplicam as competências que têm a Matemática, Leitura e Ciências face a problemas que os colocam perante situações de contexto real. Não se trata de avaliar o currículo escolar ou apenas os conhecimentos adquiridos. Trata-se de analisar como no final da escolaridade básica os alunos são capazes de raciocinar e usar os conceitos aprendidos, bem como as ferramentas adquiridas, para explicar e prever fenómenos.

Desde o ano de 2000 que de 3 em 3 anos o PISA é aplicado ao nível dos países. Tendo começado com a participação de 43 países, na edição de 2018 participaram 79 países e estão neste momento previstos 85 países para a análise que vai ocorrer em 2021. Portugal participa desde a primeira edição e o seu desempenho caracteriza-se por uma constante melhoria tendo alcançado em 2015 um desempenho superior ä média da OCDE. A partir de 2009 começaram a surgir as questões sobre a possibilidade de utilizar este importante instrumento para avaliar individualmente uma escola verificando como aquela se posiciona no contexto mundial ou sobre a possibilidade de redes escolares locais poderem aprender com os sistemas nacionais de melhor desempenho em todo o mundo.

Este projeto é na sua essência o devolver às escolas todo o potencial da informação associada ao PISA, capacitando-as para desenvolverem estratégias de melhoria dos resultados de aprendizagem dos seus alunos.

Today’s innovations often become tomorrow’s commonplace. The OECD Future of Education and Skills 2030 project has observed some innovative features of education systems that are just emerging but that may become the “new normal” in tomorrow’s education systems.
To find out more, visit www.oecd.org/education/2030-project/

Um projeto

PISA | OCDE

Coordenação nacional

blankblank

Parceiro operacional

blank